Variedades Femininas

Aqui se fala do universo feminino

Imagem corporal e auto-estima

em 21 de setembro de 2010

Fatores sociais, influências socioculturais, pressões da mídia e a busca incessante por um padrão de corpo ideal associado às realizações e felicidade estão entre as causas das alterações da percepção da imagem corporal, gerando insatisfação em especial para indivíduos do gênero feminino.

A distorção da percepção corporal, ou seja, superestimar ou subestimar o tamanho e/ou forma do corpo, não constitui característica particular de adolescentes que desenvolvem algum tipo de transtorno alimentar, uma vez que se torna cada vez mais presente na dinâmica vivencial dos indivíduos dessa faixa etária. A relação com o espelho é vivida de forma angustiante, a gordura é encarada como um estorvo e pejorativa, enquanto que a magreza é a solução da angústia.

O baixo peso parece oferecer satisfações específicas com possíveis atitudes e reações peculiares. Ou seja, ser magra, para mulher, simboliza competência, sucesso, controle e atrativos sexuais, enquanto excesso de peso e obesidade representa preguiça, indulgência pessoal e falta de autocontrole e força de vontade. Sendo assim, o excesso de peso oferece uma conotação pejorativa, sendo, possivelmente, uns dos fatores explicativos para a insatisfação feminina.

A auto-estima tem impacto no modo como vemos o nosso corpo e está relacionada com a maneira como uma pessoa valoriza as suas habilidades físicas, aptidões, capacidades inter-pessoais, papéis familiares e imagem corporal.

Pode-se então, desenvolver uma auto-estima pobre se os padrões corporais “ideais” não forem alcançados o que poderá resultar em percepções erradas e negativos sobre o próprio corpo.

As pessoas com uma imagem corporal negativa costumam:

– fazer exames físicos excessivos (pesar, medir e provar roupa)

– disfarçar o seu tamanho e forma usando roupa larga e grande

– evitar situações sociais que possam desencadear uma auto-consciência física

– evitar expor o corpo (não usando fatos de banho ou calções)

– dão uma importância excessiva ao aspecto físico ao auto-avaliar-se

– tem uma preocupação angustiante com o próprio corpo

– sentem vergonha e/ ou acanhamento

Uma imagem corporal positiva revela:

– auto-confiança, energia, vitalidade e auto-avaliação positiva

– sentimentos de beleza e atração

– confiança e respeito pelo próprio corpo

– liberdade de expressão corporal não dependente do peso

A imagem corporal desempenha um papel importante na consciência de si, pois é tanto imagem mental quanto percepção; se a percepção do corpo é positiva a auto-imagem será positiva, e se há satisfação com a imagem do seu corpo, a auto-estima será melhor.

Anúncios

Uma resposta para “Imagem corporal e auto-estima

  1. Uirá disse:

    é mais complexo
    Mas como disse antes, a mulher se fantasia tanto para as outras mulheres.
    Elas fazem o modelo, o homem só segue o conceito e é influenciado.
    Mas no geral o modelo de mulher que os homens gostam é bem diferente do atual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: