Variedades Femininas

Aqui se fala do universo feminino

#MitosFeminismo: Sou feminina e não feminista?

em 29 de julho de 2011

Sempre ouvi esse comentário: “sou feminina e não feminista”, e  pensei qual a  lógica por trás dessa afirmação, qual a oposição existente entre ser feminina ou ser feminista?  Será que ela existe mesmo? Nesse ínterim, podemos analisar a afirmação, seus  silogismos e extrair o juízo que: uma feminista não é feminina. Todavia, é  relevante ressaltar  que apesar do senso comum ter esse entendimento, estamos tratando de mulheres, que são do sexo FEMININO, logo, podemos dizer que toda mulher é feminina.

Segundo Adelmam (2003), “a busca da feminilidade “é ainda apresentada  como   o   caminho  mais   importante   de aceitação e sucesso para as mulheres em nossa cultura”. Essa feminilidade pode ser entendida como uma “estética da limitação”, tanto no que se refere ao comportamento quanto à corporalidade femininos: “a feminilidade é produzida através da aceitação de restrições, da limitação da visão, da escolha de uma rota indireta”; é “uma estética forte que se constrói em cima do reconhecimento da falta do poder”; é uma estratégia de sobrevivência “baseada nas concessões [abertas]” e na “imposição de restrições”.

O corpo ‘feminino’ é padronizado em termos de tamanho (altura, corpulência, etc.), forma (‘curvas’, firmeza ou ausência de musculatura, etc.), postura e movimento. Tem uma forma ‘feminina’ de estar no espaço que é de limitação: de deferência e diminuição, em lugar de expansividade. Nessa construção, o que está em jogo são as energias e os recursos do corpo feminino, uma verdadeira batalha política, em que, evidentemente, tem muito para ganhar ou perder. A cultura comercial atual parece jogar o tempo todo com esses recursos, precisando, para fins consumistas, de um certo equilíbrio entre uma postura mais ‘ativa’ (de desejo, ou ‘apetite’) e de negação desses elementos (pela exposição de corpos femininos magérrimos e em posturas ‘passivas’, quer dizer, de ‘entrega’ para o espectador).”

Nesse sentido, podemos dizer que a imagem do ideal feminino é construída por meio de restrições do corpo feminino,  e dessa forma é válido afirmar, que de fato, não existe uma fórmula para atingir uma feminilidade e muito menos, há  uma oposição entre feministas e femininas.

Então o que é ser feminista?  Simone de Beauvoir, em 1949, no livro, O segundo sexo, disse que “não se nasce mulher, torna-se mulher”, e devemos entender  essa mulher, como o papel social da mulher.  O conceito de feminino é criado, nesse sentido, por meio de uma série de  normatizações que constituem o entendimento do que é ser mulher, uma mulher se torna mulher.

O feminismo nasceu dessa tensão da identidade sexual construída, assim ser feminista é ter o entendimento que existem diferenças anatômicas entre homens e mulheres, todavia, ter a certeza que não deve existir diferenças nos papéis sociais, uma mulher deve ter os mesmos direitos civis que os homens.

Ser feminista não significa achar que as mulheres são melhores que os homens, pois essa é uma atitude preconceituosa, mas sim entender que apesar das diferenças temos direitos iguais, pois somos todos seres humanos.

Nem toda mulher é feminista, assim como nem todo homem é machista. Acredito que devemos trabalhar em conjunto por um mundo mais justo e tolerante, ser feminista é ter o entendimento que as diferenças podem ser positivas, afinal todos somos diferentes, mas apesar delas, todos temos o direito de construir a nossa felicidade e não existe felicidade sem respeito.

Referências bibliográficas

ADELMAM, M. Mulheres atletas: re-significações da corporalidade feminina.  Estudos Feministas, Florianópolis, 11(2): 445-465, julho-dezembro/2003.

BEAUVOIR, S. O Segundo Sexo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980.

Anúncios

Uma resposta para “#MitosFeminismo: Sou feminina e não feminista?

  1. […] #MitosFemininos: Sou feminina e não feminista?, por Clara Guimarães […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: