Variedades Femininas

Aqui se fala do universo feminino

Sheik: um beijo contra homofobia

Foto: Instagram

O jogador de futebol do Corinthians, Emerson Sheik, foi o protagonista de uma cena que tem levantado discussões no mundo do futebol, ele beijou um amigo e publicou a foto no Instagram. Alguns torcedores do time responderam a atitude do jogador com frases homofóbicas, tais como: “Vai beijar a PQP, aqui é lugar de homem” e “Viado não”.  Em entrevista a TV Bandeirantes Sheik respondeu as provocações da seguinte forma:

“Em primeiro lugar, o mundo do futebol é muito machista. Quero deixar bem claro que se alguém se sentiu desrespeitado, desculpa. Lá era o Emerson pessoa, não o jogador. Tenho enorme carinho pelo Isaac, que é um amigo muito especial. Ele é um queridão, a esposa está grávida de nove meses. E daí a galera levou para o lado errado. É um preconceito babaca. Tenho enorme respeito pelo torcedor do Corinthians. A página que postei tem foto minha dando selinho no meu filho. A Hebe beijava todo mundo. A brincadeira foi exatamente para abordar um assunto polêmico. Esse sou eu fora de campo. Para mim, é algo tão natural que não quero mais falar sobre isso.”

Só posso mandar um salve para o Sheik por ter resolvido fazer essa provocação e trazer pra discussão a homofobia dentro do futebol, como sempre repito aqui, a sexualidade é algo individual e ninguém tem nada a ver com a vida dos outros. Muda a sua vida em que quem o Sheik beija? E se o Emerson fosse gay, mudaria sua atuação como jogador de futebol? Deixe a sua homofobia de lado e vá arrumar algo de útil pra fazer, cuidar da sua própria vida é uma delas. Valeu, Emerson Sheik! É isso mesmo, temos que trazer a homofobia e o machismo pra discussão, não podemos tolerar o preconceito.

Deixe um comentário »

Pânico na TV: Misoginia e desrespeito!

Eu não assisto esse programa pânico, já vi de relance em algum local e sempre tive embrulho no estômago, pois acho, totalmente, bizarro. É um “humor” grotesco, grosseiro, misógino, agressivo. É rir o tempo inteiro da humilhação e desgraça alheia.

Pois é, hoje soube que uma das panicats teve o seu cabelo raspado ao vivo no programa, ocorreu uma votação com o público e ficou decidido que ela rasparia a cabeça. A moça tinha sido trancada numa sala e só foi informada na hora que rasparia o cabelo. Ok, raspou o cabelo e daí? Pra mim o problema não está em raspar o cabelo, mas o que está implícito no ato –  raspar o cabelo é um símbolo de subserviência, humilhação.

Acho provável que a moça nem se dê conta da situação de fato, quem sabe até ache legal, no que tange a exposição e provável grana que pode ganhar com os contatos publicitários. Mas e aí, será que vale tudo na vida? Vale tudo por dinheiro?

O programa colocou a moça numa situação super humilhante, mas também isso não é a primeira vez, nem será a última, pois ser panicat significa usar pouca roupa e passar por situações constrangedoras, além de ser tratada como lixo. Mas quem aceita passar por esse tipo de situação pode ser considerada vítima? Na minha opinião sim, ela é vítima de todo um sistema machista que vivemos, que as mulheres são desvalorizadas e objetificadas, pois “esquecem” que somos gente! E somos mesmo!

Mas além de ser vítima, ela é conivente com isso, a partir do momento que permite fazer parte disso, é ser usada em nome de algo maior, mesmo que esse algo maior seja estapafúrdio. Ela é conivente mesmo sem saber, mas mesmo assim, não deixa de ser vítima. Foi vítima sim de atos misóginos e agressivos, coroados com a frase: “a Babi entendeu o espírito do Pânico, ela é corajosa”. Mas qual é esse espírito? O da agressão, humilhação e subserviência?

Nós mulheres somos ensinadas a baixar a cabeça diante de agressões masculinas. O que fazemos quando recebemos cantadas nojentas nas ruas? Baixamos a nossa cabeça, olhamos para o lado, não é isso? Nas nossas relações afetivas aprendemos que devemos ser boas de cama, mas esse boa é em relação a quem?  Boas para nós mesmas? Pense nisso! A indignação pelo que ocorreu no programa pânico é válida sim! É uma indignação por toda misoginia e agressividade contra as mulheres. Mas lembrem-se, nós mulheres também reproduzimos esse sistema machista, então não adianta só criticar, precisamos fazer uma mudança interna, mudar as nossas atitudes. A identidade feminina é construída socialmente, não nascemos mulheres, nos tornamos mulheres.

3 comentários »

Luck – a nova série da HBO

O que é a vida sem uma propaganda básica? Pois é, para quem não sabe ainda, esse ano estreou na HBO americana o seriado Luck com os atores Dustin Hoffman e Nick Nolte. O seriado trata de corridas de cavalos e é a nova aposta da emissora para 2012.
E o que eu tenho a ver com isso? Tudo! rss Apareço na abertura da série no segundo 39! Eu ia dizer que foi meu primeiro trabalho como modelo, mas lembrei que nem foi, fiz algumas coisas, incluindo clipe para horário eleitoral rss
Meu querido e talentoso primo Thiago Guimarães é fotógrafo e tem uma mania básica de tirar fotos minhas sem me avisar, numa dessas ele tirou a foto que aparece no seriado, o pessoal que produz a série viu a minha foto e comprou.
Tudo isso ocorreu em 2009, compraram os direitos da minha imagem dizendo que era pra série, não levei a sério de fato, afinal para que iam querer meu rosto estampado na abertura? Mas não é que estou toda internacional no seriado? rss  A foto que usaram na abertura é essa abaixo:

Foto de Thiago Guimarães

A série Luck estreia no Brasil ainda esse ano, acesse mais informações aqui: http://demelhor.com/hbo-lancara-em-2012-luck-nova-serie-sobre-a-mafia-com-dustin-hoffman-e-nick-nolte.html

1 Comentário »

Hoje é dia de comemoração: Rafinha Bastos fora do CQC

O humorista Rafinha Bastos, recentemente, tem causado muita polêmica com as suas “piadas” de mau gosto, a última foi um comentário grosseiro e até pedófilo (depende da interpretação),  ao dizer que comeria Wanessa Camargo e o seu bebê.  Assista o vídeo e entenda melhor:

Para quem não sabe, Wanessa, filha de Zezé de Camargo, é mulher de Marcus Buaiz, que é empresário e sócio de Ronaldo Fenômeno. Pois é, cutucou onça com vara curta, pois depois dessa piadinha, a coisa ficou feia pro lado dele, Ronaldo declarou que repudiava a declaração e foi ameaçado de processo pelo marido da Wanessa.

Dizem por aí, que Ronaldo fez uma reclamação para a alta cúpula da Band, emissora que transmite o programa CQC. E aí para completar foi anunciado na mídia que os chefões da emissora se reuniriam hoje em Paris para decidir o destino do comediante, se ele continuaria ou não no programa.

Há pouco mais de uma hora atrás, a folha publicou em seu site que depois da reunião Rafael Bastos foi afastado do programa, todavia, o tempo desse afastamento ainda não foi definido, que pode ser temporário ou definitivo.

Todas torcemos para que esse cidadão seja afastado definitivamente, pois ninguém quer ver e ouvir as suas barbaridades, que ele faça shows particulares para a sua família, que deve apreciar as suas baixarias.

Agora só quero ver se ele vai continuar declarando : “Eu saí de Porto Alegre com um objetivo, dar orgulho aos meus pais, eles estão muito orgulhosos de mim, o resto eu estou cagando!” – Programa provocações da TV Cultura. Vamos ver se ele vai continuar não se importando e se esses pais vão continuar tão orgulhosos assim, se é que estão mesmo, porque se fosse meu filho eu estaria morta de vergonha, mas cada um que sabe de si não é?

Leia mais na matéria da folha: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/984550-rafinha-bastos-estara-fora-do-cqc-nesta-segunda.shtml

4 comentários »

Ex-BBB e deputado Jean Wyllys recebe ameaça de morte

Imagem retirada de: www.eleiçõeshoje.com.br

O deputado federal pelo PSOL e também vencedor do BBB 5, Jean Wyllys, recebeu ameaças de morte no Orkut. Segundo o site “Eleições hoje”:

“O Deputado Federal Jean Wyllys (PSOL) e LGBTs em geral estão sendo ameaçados de morte em uma comunidade do Orkut intitulada – “Morte ao Jean Wyllys”. Criada em 08 de setembro de 2011, a comunidade, segundo a descrição, pretende “debater formas” de matar o deputado. A descrição ainda chama LGBTs em geral de “aidéticos” e “pedófilos”. Relacionadas a mesma comunidade ainda se encontram outras, igualmente homofóbicas, como “Gay bom é gay morto” e “Viados malditos”, além de comunidades contra o movimento feminista.

Esta não é a primeira vez na qual Jean Wyllys, que dentre outras causas importantes, tornou-se porta-voz na luta pelos direitos da comunidade LGBT, recebeu ameaças de morte. Em março deste ano, o deputado federal foi alvo de ameaças pelo Twitter, após defender o casamento LGBT.”

Achei tudo muito absurdo, pois além de ser absurdo alguém fazer uma comunidade para tramar a morte de outra pessoa, é tudo mais absurdo ainda, quando constatamos que o deputado tem tido uma boa atuação, tenho assistido entrevistas com ele e observado a sua atuação e me parece muito coerente nas suas atitudes.

Independente se você é contra ou a favor das coisas que ele defende, a coerência de atitudes de um político é muito importante, pois observamos muito gente que fala uma coisa e faz outra coisa diferente. Também é importante ressaltar que o respeito a diferença é primordial para convivência em sociedade, ele defende algumas causas, se você é contra, vote em quem pensa como você, é assim que funciona democracia.

Leia Mais Em: http://www.eleicoeshoje.com.br/deputado-federal-jean-wyllys-ameaado-de-morte-em-comunidade-orkut/#ixzz1Y8KpDZkD

Deixe um comentário »

Negra angolana vence o Miss Universo 2011.

Imagem tirada daqui: http://contigo.abril.com.br/noticias/miss-angola-leila-lopes-ganha-coroa-do-miss-universo-2011

Que emoção! Ontem assisti o miss universo e estava na maior torcida para a Leila Lopes, Miss Angola, negra, belíssima e muito graciosa. Felizmente, ela ganhou e fiquei pensando: será que outras negras já ganharam o miss universo?

Dizem que esses concursos tem muita politicagem, não sei se é verdade, mas foi ótimo para Angola que Leila Lopes tenha vencido o concurso depois desse monte de desgraças que aconteceu no país, afinal, a mulher “mais bonita do mundo” é de Angola. Também fiquei muito feliz por, finalmente, uma mulher negra ganhar e fiquei mais feliz ainda porque a vitória foi justa, ela era a mais bela e graciosa das candidatas, também não tem aquele padrão porta, tem curvas, uma sensualidade delicada, feminina, nada exagerado, é natural.

Leila Lopes não é a primeira negra a ganhar o concurso, a primeira foi Janelle Comissioning de Trinidad e Tobago em 1977 .

Imagem tirada daqui: http://fernandomachado.blog.br/de-volta-para-o-passado-106/

A segunda foi Wendy Fitzwillian, também de Trinidad e Tobago em 1998.

Imagem tirada daqui: http://hamsternice.blogspot.com/2011_02_01_archive.html

A terceira foi a Mpule Kwelagobe de  Botsuana em 1999.

Imagem tirada daqui: http://guiadoscuriosos.com.br/blog/tag/mpule-kwelagobe/

1 Comentário »

Porque mulheres mais novas não podem casar com homens mais velhos?

Imagem tirada daqui: http://www.fotosimagens.net/daniela-albuquerque.html

Recentemente, escrevi um post sobre a agressão verbal do Rafinha Basto à Daniela Albuquerque da Redetv, por meio dos comentários que recebi, me deparei com algumas críticas feitas a moça, por ela ser casada com um homem muito mais velho. Essa situação me intrigou um pouco e pensei em discutir com vocês o porquê de mulheres mais novas não poderem casar com homens mais velhos.

Percebo que em nossa sociedade alguns tipos de casamentos são vistos como acordos financeiros ou até quase como um estelionato, ou seja, uma pessoa engana a outra para ficar com o dinheiro dela. Mas será que não pode existir amor entre pessoas de idades muito diferentes? Será que uma moça de 20 e poucos anos não pode se apaixonar por um homem com mais de 60 anos? Eu acho que é possível sim, qualquer coisa é possível nesse mundo!

O que me intriga mais ainda é o que as pessoas tem a ver com a vida dos outros, sei que dar um pitaco é comum, eu mesma faço isso, mas fico pensando se é correto. Digamos que essa moça Daniela Albuquerque tenha casado por dinheiro, que a gente tem a ver com isso? Agora e se ela casou apaixonada pelo marido dela, que chato não deve ser essa perseguição toda?

Eu não sei, acho que tudo é possível sim e tem mais, sabemos que antigamente os casamentos eram arranjados, então acredito que algumas pessoas levam isso em consideração na hora de casar, mas é uma opção não é?

Em relação a mim, não conseguiria, tenho dificuldades de ter uma pessoa me provendo totalmente e eu ali na boa, não consigo ficar parada e nem me sinto bem com uma pessoa me sustentando, acho que me sentiria uma imprestável, mas o meu jeito não é o melhor.

Agora, galera, a Daniela Albuquerque trabalha, apresenta dois programas na TV. Confesso que simpatizo com ela, não gosto muito da qualidade da apresentação dos programas dela, confesso a dupla Robert Rey e ela é bem engraçada.

7 comentários »

Ainda discutindo sobre o racismo

Imagem tirada daqui: http://senhorahistoria.blogspot.com/2011/04/diga-nao-ao-racismo.html

A declaração do ator Rodrigo Lombardi está rendendo muito, sendo amplamente discutida e acho isso super saudável. Nesse sentido, gostaria de dividir com vocês o que penso sobre o assunto.

Eu sempre simpatizei com o ator Rodrigo Lombardi, não assisto muito televisão, mas ele me parece um cara legal e digo que me parece, porque apesar das declarações feitas por ele, não o conheço e não posso julgar o caráter dele. Essa também foi a primeira vez que me pareceu pisar na bola, mas também não sei nada da vida dele e posso estar enganada.

Sobre a declaração dele, se foi racista? Foi sim, claro! Mas isso significa que ele é um canalha? Não! Existe uma diferença entre o racismo individual, aquele que somos diretamente agredidos e o racismo estrutural, que está dentro de um discurso e muitas vezes nem percebemos.

O racismo no Brasil muitas vezes é assim, ele está na construção cognitiva do discurso, nós o reproduzimos automaticamente e qualquer pessoa está sujeita a isso, isso significa que eu, você, o ator Rodrigo Lombardi, podemos proferir um discurso racista sim, e aí, como agir em situações como essa?

Complicado não é? Refletir sobre o assunto é importante demais, assim como mudar e construir novos parâmetros. Será que  expressões como, Cabelo bom ou ruim, negro de alma branca, são racistas? Então, falamos não é? O racismo pode estar impregnado até nossa língua portuguesa, em expressões como “esclarecer” ou denegrir, mas tudo depende do contexto no qual estão inseridas.

Gostaria de compartilhar com vocês um vídeo da campanha: Onde você guarda o seu racismo?

Vamos refletir sobre o assunto, nos policiar no sentido de identificar o racismo dentro de nós, o racismo no Brasil existe sim e não é porque não temos a intenção que ele não existe, ele está tão dentro da nossa cultura que não percebemos.

Quer saber mais sobre o assunto, leia esse texto: http://www.scielo.oces.mctes.pt/scielo.php?pid=S0873-65292000000200002&script=sci_arttext&tlng=pt

5 comentários »

Rodrigo Lombardi faz comentário racista no Faustão

Imagem tirada daqui? http://www.brasilemalta.com.br/fotos-rodrigo-lombardi-o-astro.html

No domingão do Faustão, de ontem, 04/09/2011, o ator Rodrigo Lombardi fez um comentário racista ao dizer: “Era um cara que na sua época assim, negro, caolho, um metro e cinquenta, chamado Sammy Davis Junior, que quando entrava no palco saia com dois metros de altura, loiro de olho azul.”

Ele tentou dizer, claramente, que o cara se transformava quando subia no palco, crescia, ficava mais bonito. Mas peraí, ficar mais bonito significa embranquecer? Ficar com os olhos azuis? Infelizmente, esse ideal de beleza está tão arraigado nas nossas mentes que o ator nem deve ter percebido o teor das suas declarações, mas preconceito é assim mesmo não é? Quando menos se espera vem alguém e pimba! Declaração racista! É negro de alma branca, nêgo safado, preto ladrão… Precisa comentar mais alguma coisa?

O racismo no Brasil é forte e criminoso, quantas meninas negras se desenham loiras de olhos azuis? A construção das suas identidades são violadas, com ideais de belezas brancos. O ator Rodrigo Lombardi é branquinho por acaso? Não! Mas qual é o ideal de beleza dele? Branco de olho azul? Pois é, racismo não se justifica, eu até entendo que certos pensamentos estão tão arraigados na nossa cultura que nem pensamos, só reproduzimos, mas eu sou sempre a favor da reflexão, então colega, pense sobre o assunto!

Beleza não tem cor, classe social ou etnia, beleza é beleza e pronto.

A declaração do ator está aqui, para quem quiser ver:

35 comentários »

O absurdo do Rafinha Bastos entra em ação novamente

Ontem eu li uma matéria falando de um pedido de desculpas que o CQC Rafinha Bastos teria feito a Daniela Albuquerque da Redetv, a informação que saiu do Jornal de Floripa foi:

“Na semana passada, Daniela foi alvo do quadro, que elege as cinco piores coisas da televisão. Ela ficou em primeiro lugar por conta da sua pronúncia de Octógono, onde acontecem as lutas de MMA, em inglês.

Rafinha Bastos disse que não teria paciência para ensiná-la. “Se fosse eu já dava uma cotovelada: ‘É octógono, cadela!’ Põe esse nariz no lugar”, disse fazendo gestos bruscos com o braço.

Rafinha voltou atrás ontem e disse: “Queria pedir desculpas a Daniela Albuquerque pelas brincadeiras da semana passada”.”

Ótimo seu Rafinha Bastos, que coisa boa o seu pedido de desculpas, mas de fato isso não muda nada. Eu sempre digo que um pedido de desculpas só é válido quando está de acordo com uma mudança de atitudes, e, sinceramente, não vejo isso em você, bendito CQC.

Provavelmente, esse pedido de desculpas foi feito porque a Daniela, que é gente – uma mulher muito fofa não? Uma graça de menina – e não uma cadela que você, gentilmente, disse que daria umas cotoveladas, ocorreu porque ela é dona da redetv – se é casada com o dono, é dona também, LÓGICO!

Agora e todas as mulheres estupradas que você chamou de feias e ainda deu parabéns aos criminosos? E as mãe que amamentam que além das barbaridades todas ditas por você, ainda chamou de peito com mamilo de rocambole?

Ahh seu Rafael Bastos, você não tem mãe, mulher? Como disse a minha querida amiga Clarice: nasceu de chocadeira? E essa violência toda? Será que você bate na sua mulher? Porque eu não entendi a sua lógica, chamar a fofíssima da Daniela Albuquerque de cadela? Dizer que daria umas cotoveladas nela? Isso pra mim não é piada, é agressão!

8 comentários »